Investir? Por onde começar?

Como começar a investir? Sou iniciante e nunca investi!

Toda jornada é uma escada. Um degrau por vez.
Vista do primeiro degrau, a escada parece longa e a subida cansativa. Mas a vista de cima sempre vale a pena.

A sua principal ferramenta de investimento: Conta Corrente Digital

É isso mesmo, o primeiro passo para investir é ter uma conta corrente digital.

Esta modalidade de conta corrente não cobra taxas para nenhum (ou praticamente nenhum) tipo de operação.

A principal vantagem é não pagar transferências para outras instituições financeiras e corretoras, porque pagar R$ 9,00 para cada TED diferente é totalmente desnecessário!

No post que fiz sobre contas digitais, explico de uma forma bem simples as vantagens, além disso, mostrei quais são as opções que temos!

 

O início de algo sempre dá um pouco de trabalho.

Por trabalho, você pode entender por:

  • Escanear documentos (documento de identidade – RG, CPF e/ou CNH), comprovante de residência (conta de telefone, água, luz, internet, condomínio…) e, em alguns casos, comprovante de rendimentos (demonstrativo de pagamento ou uma declaração caso seja não receba salário);
  • Preencher formulários (via site ou e-mail);
  • Procurar agências que administram investimentos para achar as melhores taxas e maiores rendimentos.

A melhor dica que eu posso dar é: mantenha seus documentos digitalizados no seu computador pessoal ou em um pendrive. Desta maneira, você pode, sempre que possível, enviar os documentos de forma rápida e sem o estresse de achar todos os documentos para escanear.

 

Abrir contas de investimento em algumas corretoras de investimento

Corretoras/agências de investimento são instituições que reúnem diversos investimentos num ambiente só, facilitando sua vida na hora de procurar e realizar novos aportes.

Existem inúmeras corretoras. Mas atualmente você pode escolher livremente, tendo em vista que a maioria não cobra nada para quem investe em renda fixa ou tesouro direto (preste bastante atenção para as cobranças referentes à custódia e outros custos ocultos, pois eles diminuem seu rendimento).

Aqui tenho um post introdutório sobre as corretoras!

 

Planejamento de investimento de acordo com seu perfil de investidor

Definir uma estratégia de acordo com o seu perfil é super importante!

Via de regra, quanto maior o risco do investimento maior é o retorno.  Mas será que você está preparado psicologicamente para ver o rendimento do seu investimento negativo durante um período do mês ou até do ano?

Para isso, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) editou a instrução 539 que fala sobre o dever de verificar quais são os investimentos adequados para cada tipo de cliente de acordo com o seu perfil.

Aqui no site eu disponibilizo um teste para você ter uma ideia de qual é o seu perfil de investidor.

 

Tudo pronto? Vamos começar!

Na categoria “O que é?” você vai encontrar a explicação para a maior parte dos termos que surgirem enquanto busca por novos investimentos e melhora a rentabilidade da sua carteira (ou até enquanto a inicia).

Você leu tudo isso, mas ainda não tem certeza se investir é para você?
Saiba que investir o quanto antes é muito importante, e que você pode estar perdendo um tempo precioso de rendimentos!

Se você tiver alguma dúvida ou sugestão, não pense duas vezes e me envie uma mensagem!